Veja algumas das obras de arte de golpe milionário no Rio de Janeiro

Uma idosa, de 82 anos, moradora do Rio de Janeiro sofreu um golpe envolvendo mais de R$ 720 milhões entre obras de arte de artistas renomados, joias e transferências bancárias.

Segundo investigação da Polícia Civil, que deflagrou a operação nesta quarta-feira (10), o plano foi articulado pela filha da vítima.

A mulher estaria sofrendo o golpe desde 2020, quando foi convencida a realizar um suposto tratamento espiritual para curar sua filha. Entre os dias 22 de janeiro e 5 de fevereiro de 2020 foram realizadas oito transferências bancárias que ultrapassavam R$ 5 milhões.

Depois de notar que sua filha estava isolando seus contatos sociais, a idosa desconfiou do que estava acontecendo e interrompeu os pagamentos. Sob agressões e ameaças, foi obrigada a voltar a realizar as transferências.

Ao todo, foram subtraídas 16 obras de arte, incluindo telas de Tarsila do Amaral e Di Cavalcanti. Três delas, avaliadas em mais de R$ 300 milhões, foram recuperadas em uma galeria de arte de São Paulo.

O proprietário, que conhecia a família, confirmou que vendeu outras duas para o Museu de Arte Latino-Americana de Buenos Aires, sem desconfiar do que estava acontecendo.

Com a operação, a polícia espera cumprir seis mandados prisão, além de decisões judiciais de busca e apreensão e bloqueio de bens.

Fonte CNN Brasil

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI
Já assistiu aos nossos novos vídeos no
YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!