Turquia diz que Rússia e Ucrânia assinarão acordo da ONU de exportação de grãos

Rússia, Ucrânia e Turquia se reunirão nesta sexta-feira (22) para assinar um acordo proposto pela Organização das Nações Unidas (ONU) para liberar as exportações de grãos dos portos ucranianos sitiados do Mar Negro, segundo informações do gabinete do presidente turco, Tayyip Erdogan, divulgadas nesta quinta-feira (21).

O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, participará do encontro junto com Erdogan nos escritórios do Palácio Dolmabahce, em Istambul, às 13h30 GMT (10h30 no horário de Brasília), de acordo com o comunicado.

Desde que a Rússia invadiu a Ucrânia, em 24 de fevereiro, o país chefiado por Voldoymyr Zelensky tem enfrentado obstáculos para exportar grãos, em razão do bloqueio de portos.

Com a safra retida, os ucranianos tiveram que lidar com falta de espaço para armazenamento, além de dificuldade para gerar caixa para a compra de sementes e fertilizantes para a próxima temporada de plantio, segundo informações do coordenador de emergência do Programa Mundial de Alimentos na Ucrânia, Jakob Kern.

A Ucrânia é o quinto maior exportador mundial de trigo e está entre os três maiores de milho, cevada e sementes de girassol. A ausência dos produtos ucranianos no mercado internacional é um dos fatores que contribuem para o aumento do preço dos alimentos, segundo Kern.

O Programa Mundial de Alimentos está gastando US$ 70 milhões a mais por mês para comprar a mesma quantidade de alimentos do ano passado, disse o coordenador.

 

*Com informações da Reuters

Fonte CNN Brasil

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI
Já assistiu aos nossos novos vídeos no
YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!