Chegada de frente fria encerra ‘veranico’ e deve trazer geadas e chuvas a SP, MS e Estados do Sul

Frente fria vinda do Uruguai já começará a impactar no clima do Rio Grande do Sul nesta segunda-feira, 11, e deve atingir os demais Estados até quarta-feira, 13

SAULO DIAS/PHOTOPRESS/ESTADÃO CONTEÚDOPessoas andando na ruaSão Paulo sentirá efeitos da frente fria na terça e na quarta

O ar seco e as altas temperaturas para o inverno que atingem os Estados do Sul e alguns do Sudeste e Centro-Oeste devem chegar ao fim nesta semana. Isso porque, segundo informações do Climatempo, a partir desta segunda-feira, 11 uma frente fria vinda do Uruguai avança pela região Sul e promete derrubar as temperaturas e trazer fortes chuvas. No domingo, cidades do Rio Grande do Sul que ficam na fronteira com o Uruguai já sentiram influência dessa frente fria, mas os efeitos reais devem começar a ser sentidos nesta segunda. Santa Catarina e Paraná começarão a receber os impactos da chegada no fim da tarde, com previsão de chuvas fortes com trovoadas e ventos. Na terça-feira, 12, São Paulo começa a sentir os efeitos, como aumento da nebulosidade e chuvas na região Sul do Estado, com rajadas de até 60km/h podendo ser registradas. Já no Mato Grosso do Sul, a chuva atinge o sul e o oeste do estado, mas sem risco de chuva volumosa. Na quarta-feira, a expectativa para a capital paulista é de que o dia comece encoberto, com chuviscos e garoa, com a temperatura despencando. Devido ao avanço da frente fria, a qualidade do ar deve melhorar.

O deslocamento da frente fria é acompanhado de um massa polar, que vem logo atrás e que fará o Sul do país sentir os efeitos logo na terça. Durante a noite, Rio Grande do Sul e Santa Catarina verão as temperaturas cair e, durante a madrugada, as geadas deverão atingir a região, com temperaturas variando entre 3ºC e 6ºC. No meio da semana, Paraná, São Paulo, Mato Grosso do Sul e algumas cidades ao Sul de Minas Gerais também sofrerão com a queda de temperaturas. Entretanto o risco de geada ficará restrito à regiões da Serra da Mantiqueira e do planalto paranaense. O Rio de Janeiro também será afetado, registrando maior umidade do ar e temperaturas mais amenas.

Fonte Jovem Pan News

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI
Já assistiu aos nossos novos vídeos no
YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!