Família procura mulher desaparecida há quatro dias em Campo Grande

Há quatro dias as filhas de Luciane Pereira da Silva procuram pela mãe em Campo Grande. A mulher de 51 anos foi vista pela última vez ao sair da casa do pai, no Jardim Noroeste, para voltar ao assentamento em que mora no município de Jaraguari – a 36 quilômetros da capital de Mato Grosso do Sul.

lu desaparecida
A mulher foi vista pela última vez na segunda-feira (Foto: Arquivo Pessoal)

Gislaine Rodrigues, filha de Luciane, contou a reportagem que a mãe mora no assentamento com o marido, mas tem o hábito de ir a Campo Grande para visitar a família. No dia 1º de julho, deixou a cidade para encontrar a irmã, no Jardim Tijuca. Ela ficou no local até o dia 3, depois foi para a casa do pai, no Jardim Noroeste.

Na manhã do dia 4, segunda-feira, ela se despediu e avisou que pegaria uma van de volta para casa. Desde então, a família não tem notícias da mulher.

Ela não chegou ao assentamento, nem entrou mais em contato com as filhas e o marido. “Ela estava com um vestido verde, com umas flores vermelhas. É morena, magrinha e usa um óculos de armação rosa. Falaram que ela foi em direção ao autódromo”, explicou Gislaine.

Sem notícias, as filhas de Luciane procuraram a Polícia Civil. Um boletim de ocorrência foi registrado e cartazes com a foto da mulher foram espalhados pelo bairro em que ela foi vista pela última vez. “Estamos muito preocupados, eu não aguento mais essa falta de notícias. A gente ama muito ela”, desabafou Gislaine.

Quem tiver informações sobre o paradeiro de Luciane pode entrar em contato com a filha dela pelo telefone (67) 99353-3340.

Fonte Primeira Página

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI
Já assistiu aos nossos novos vídeos no
YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!