Homem dá bebida alcoólica para a própria filha e tenta estuprá-la em motel em MT

Ele fugiu em um Honda Civic e durante a fuga deixou para trás um chinelo, mas conseguiu levar os documentos da adolescente, bem como o celular dela

Homem dá bebida alcoólica para a própria filha e tenta estuprá-la em motel
Foto: Reprodução

Uma adolescente de 17 anos foi vítima de tentativa de estupro cometida pelo próprio pai dela, um homem de 37 anos, na madrugada desta segunda-feira (24) no município de Mirassol D’Oeste (a 295 km de Cuiabá). O suspeito teria dado bebida alcoólica à garota e a levou para um motel, contra a vontade dela.

De acordo com informações da Polícia Militar, o caso ocorreu por volta de 00h de hoje (24) em um motel na Rodovia MT-175, na zona rural de Mirassol D’Oeste. Uma equipe foi acionada após a PM receber uma denúncia de possível estupro contra uma menor de idade ocorrido no motel.

Quando chegaram ao local os policiais conversaram com uma funcionária do estabelecimento, que disse que após ouvir gritos por socorro e alguém batendo na janela, abriu a porta da recepção e ajudou a adolescente, que estava em prantos. Em choque, a garota quis ficar escondida embaixo de uma cama e só saiu quando a PM chegou.

A vítima relatou que, com a autorização de sua mãe, que mora em Porto Esperidião, ela foi até a cidade de Indiavaí juntamente com seu irmão gêmeo, uma tia e o seu pai. Depois disso eles foram para a cidade de Araputanga visitar a avó da vítima. O irmão da garota ficou na casa dos avós e o suspeito convidou a filha para ir até Mirassol D’Oeste com ele.

Durante o caminho o homem teria comprado bebidas alcoólicas e fez a adolescente beber. Quando chegaram em Mirassol D’Oeste ele disse que entraria no motel para comprar cervejas, no entanto, quando entrou em uma das garagens a vítima tentou abrir a porta e foi surpreendida com um golpe de “gravata” em seu pescoço.

O homem disse que não era para ela correr, mas a garota, ainda zonza por causa das bebidas, caiu ao chão e foi pega pelo suspeito e levada para o quarto. Ele jogou a vítima na cama e com uma das mãos tampou a boca dela, falando para que não gritasse e que só sairia do motel se tivesse relações sexuais com ela.

A vítima resistiu às tentativas do suspeito de tirar suas roupas íntimas, mas ele insistiu conseguiu baixar até a metade da coxa dela. A garota ainda conseguiu vestir-se novamente e se desvencilhar do homem, mas decidiu fingir desmaio, percebendo que não conseguiria escapar daquela maneira.

Em um momento de distração do suspeito ela conseguiu abrir a porta e gritar por socorro, até que foi socorrida pela recepcionista do motel. A vítima ainda disse que seu pai afirmou pertencer a uma facção criminosa e que se ela abrisse a boca ele faria mal a ela e à família dela.

O suspeito estaria em condicional, fazendo uso de tornozeleira eletrônica, e reside em Cuiabá, mas estava há dois dias na casa da mãe da vítima. Ele fugiu em um Honda Civic e durante a fuga deixou para trás um chinelo, mas conseguiu levar os documentos da adolescente, bem como o celular dela. O homem ainda é procurado pela polícia.

Fonte: Olhar Direto

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI
Já assistiu aos nossos novos vídeos no
YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.