Homem é condenado a 32 anos de prisão por estuprar enteada dos 3 aos 6 anos de idade em Sorriso

Da sentença ainda cabe recurso, mas o acusado aguardará a decisão do TJ preso

O juiz da 2ª Vara Criminal da Comarca de Sorriso, Anderson Candiotto, condenou um homem a uma pena de 32 anos de reclusão, em regime inicial fechado, por estupro de vulnerável.

O réu é acusado de estuprar a vítima dos 3 aos 6 anos de idade, entre os anos de 2017 e 2020. O homem era companheiro da mãe da criança.

Consta nos autos do processo que “a criança dava sinais que estava sendo abusada, mas mãe da menor achou que fosse mentira, até pegar o companheiro nu, em seu quarto, com o órgão genital ereto, enquanto sua filha, de menos de 6 anos de idade, estava deitada na cama de seu próprio quarto, também nua, e de bruços para o acusado”.

Da sentença ainda cabe recurso, mas o acusado aguardará a decisão do Tribunal de Justiça (TJ) preso.

Fonte: Portal Sorriso

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI
Já assistiu aos nossos novos vídeos no
YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.