Dona Maria vence covid 2 vezes prestes a completar 100 anos, após doses da vacina

O neto da idosa, Leonardo Oliveira, relata que a família só tem o que comemorar pela vitória

Foto: João Vieira/Gazeta Digital (GD

A poucos dias do seu aniversário de 100 anos, Dona Maria Oliveira, mãe do ex-governador Dante de Oliveira, tem motivos redobrados para comemorar. Ela superou a covid-19 por duas vezes e completa um século de vida no próximo dia 1º de maio.

O neto da idosa, Leonardo Oliveira, relata que a família só tem o que comemorar pela vitória. Relatou que a avó pegou covid-19 pela primeira vez há cerca de 5 meses. Na época, ela sentiu sintomas moderados e precisou de máquina de oxigênio em casa. Ela vive sobre os cuidados da famílias e de profissionais. Ela é a única moradora da avenida Isaac Póvoas. 

“Agora, da segunda vez, ela sentiu bem menos. Foi só um mal estar e fez o exame que apontou a covid. Ela ficou isolada e ontem fizemos exames que comprovaram que ela não está doente mais”, relatou o neto.

Segundo Leonardo Oliveira, a avó tomou as duas doses da vacina. A confirmação da contaminação veio 15 dias após a receber a injeção de imunizante pela segunda vez.

Segundo dados do Butantan, a CoronaVac, mais aplicada em Mato Grosso, tem eficácia de 50,7%, ou seja, diminui pela metade a chance de contaminação. Todavia, mesmo que a pessoa imunizada seja contaminada, as chances de ser sintomas graves e precisar de internação drasticamente reduzidos. A recomendação do Ministério da Saúde (MS) é que as doses sejam aplicadas com intervalo de 14 a 28 dias. No entanto, estudos mais recentes apontam para uma melhor eficácia, que chega a 62,3% quando a aplicação é feita após 21 dias após a primeira.

“Agora gente só tem que comemorar a agradecer. O aniversário dela está chegando e vamos celebrar como ela gosta, na igreja. Ainda vamos ver como isso pode ser feito, se do lado de fora, não sabemos ainda”, comemorou o neto.

Maria de Oliveira não tem outras doenças pré-existentes. Somente a idade a coloca no grupo de risco para a doença.

Fonte: Jessica Bachega/Gazeta Digital (GD)

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI
Já assistiu aos nossos novos vídeos no
YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.